Plásticas
0 Comentários

Rinoplastia Secundária

rinoplastia secundaria


 
Quem já fez uma cirurgia de nariz e não ficou feliz com o resultado já deve ter escutado falar da rinoplastia secundária.
O desejo de ter um nariz mais fino, arrebitado ou até mesmo totalmente reestruturado é o que move as pessoas a buscarem pelas técnicas de rinoplastia.
No entanto, é preciso entender que a rinoplastia é um dos procedimentos de cirurgia mais complexos da área.
Sendo assim, é comum que novas intervenções sejam realizadas em busca do melhor resultado possível. Aí que entra a chamada de rinoplastia secundária.
Conhecida também de cirurgia para corrigir uma rinoplastia mal sucedida ou apenas de rinoplastia de correção.
Ela é considerada por pessoas que já aguardaram o tempo de recuperação orientado pelo médico especialista em rinoplastia, porém não alcançaram o resultado pretendido com o procedimento.
Contudo, existem alguns critérios que precisam ser levados em consideração antes de optar pelo retoque rinoplastia. Continue lendo para descobrir!
 

Rinoplastia: retoque serve em quais casos?

rinoplastia retoque

 

 
Algumas pessoas dizem: “Eu fiz rinoplastia e me arrependo muito!”.
Quando o problema funcional ou estético não é resolvido, a insatisfação com a primeira cirurgia no nariz pode acontecer. Nesses casos a paciente deve considerar uma segunda rinoplastia.
Esse procedimento tem por objetivo otimizar o efeito alcançado na cirurgia de nariz feita na paciente. Ou seja, essa opção é indicada para melhorar o resultado, tanto no quesito estético quanto funcional.
 
Você tem interesse em conhecer histórias de mulheres que fizeram uma rinoplastia? Faça parte do grupo exclusivo de pacientes da Dream Plastic, no Facebook.  Clique no botão abaixo:
 

Por que optar por uma segunda rinoplastia?

A decisão de passar novamente por um centro cirúrgico pode ter vários motivos, como:

  • Problemas de respiração: caso a paciente sinta dificuldade de respirar após a primeira cirurgia, principalmente na hora de dormir, então é um bom motivo para uma segunda rinoplastia.
  • Não alcançou o resultado desejado: esta é uma situação em que a paciente está insatisfeita com a aparência obtida na primeira cirurgia de rino. Isso pode ser decorrente de problemas na hora da cicatrização.

 
Vale ressaltar que a rinoplastia é uma cirurgia bem complexa, por isso a probabilidade de haver uma correção é maior.
Segundo a literatura médica a chance é alta, atinge de 15 a 40 % dos casos de rinoplastia. E esse número pode variar dependo do conhecimento técnico do cirurgião.
A experiência dos cirurgiões plásticos conta muito nessa hora. Por exemplo, o índice de retoques do especialista em rinoplastia SP da Dream Plastic é baixo. Isto se deve ao fato da ampla experiência em cirurgia plástica.
Entretanto, qualquer insatisfação com o resultado, muitas vezes, não pode ser considerado como um erro médico. Pois a recuperação interna pode se dar de forma diferente do previsto.
 

Devo esperar quanto tempo para recorrer a uma rinoplastia secundária?

rinoplastia eu fiz

 

 
A paciente deve esperar, no mínimo, um ano antes de se submeter a uma segunda rinoplastia. É importante respeitar esse prazo para que as estruturas nasais estejam completamente recuperadas e cicatrizadas.
Além disso, vale lembrar que o resultado definitivo de uma cirurgia de nariz só pode ser observado depois de 6 meses do procedimento. Tudo isso porque…

  • O nariz precisa de um tempo para desinchar, o que influencia diretamente em sua forma final.
  • A complexidade da primeira cirurgia pode influenciar no tempo de recuperação. Ou seja, quanto mais o cirurgião plástico precisou alterar o nariz da paciente, maior será o tempo de espera.

 
Em média, esses influenciadores levam até um ano para sumir. Portanto, esse é o tempo mínimo aconselhado para buscar uma rinoplastia reparadora. Muitos especialistas em rinoplastia não realizam a cirurgia secundária antes disso.
 

Rinoplastia blog: a complexidade da cirurgia de retoque

fibrose nariz

 

 
A rinoplastia secundária é uma operação ainda mais complexa, se for comparada com a primeira intervenção no nariz.
Isto porque as estruturas nasais passaram anteriormente por alterações, por isso estão mais sensíveis. Sendo assim, o cirurgião plástico vai manipular os tecidos da forma mais delicada possível.
No entanto, se houver a necessidade do uso de enxertos para modelar o nariz, a alternativa é retirar cartilagem de outras áreas do corpo.
Pois, como já foi usada a cartilagem do septo nasal na primeira cirurgia, o especialista em rinoplastia vai partir para outros locais, como orelhas ou ossos da costela.
Além disso, os tecidos na realização da segunda rinoplastia tendem a estar mais firmes e com fibrose no nariz. Consequentemente, a manipulação cirúrgica é mais complexa.
A complexidade também está relacionada com a quantidade de cirurgias realizadas anteriormente na área. Quanto maior o número de procedimentos realizados, menor será a quantidade de tecido disponível para que o profissional realize o trabalho de forma adequada.
Por este motivo, a cirurgia deve ser feita com muita cautela. Pois, a pele, a cartilagem e a vascularização dos tecidos já não são a mesma.
 


 

Qualquer cirurgião pode realizar rinoplastia secundária?

segunda rinoplastia

 

 
Como se trata de um procedimento delicado e de grande precisão é fundamental que o ele seja realizado somente por um especialista em rinoplastia.
É importante ainda que o médico seja membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP) e registrado pelo Conselho Regional de Medicina (CRM).
Devido à complexidade da rinoplastia secundária, apenas um especialista é capaz de avaliar todos os aspectos funcionais e estéticos do nariz. Bem como o grau de insatisfação da paciente e, principalmente, se os tecidos locais permitem um conserto que corresponda às suas expectativas.
O sucesso da rinoplastia secundária não depende apenas do cirurgião, fatores como pele aderida ao osso, fibrose no nariz e até mesmo o excesso de pele podem comprometer o segundo procedimento.
Assim como a má execução do primeiro procedimento, dobras na cartilagem e até mesmo ações respiratórias, que são particulares para cada paciente.
Cabe a esse profissional descobrir quais as principais queixas dos pacientes e analisar se é possível fazer uma nova operação.
Com o médico especialista são nulos os riscos de ter uma piora no quadro, deixando-a ainda mais insatisfeita. E você terá a certeza de que estará mais perto de conquistar o nariz que sempre sonhou.

Fonte: Dream Plastic

beijos, Fran
09/10 2020
Plásticas
0 Comentários

Rinoplastia e Septoplastia – É realmente necessário fazer as duas?

septoplastia-paint

Rinoplastia é uma cirurgia estética, diferente da cirurgia de desvio de septo, cujo objetivo é corrigir um problema funcional. Muitas vezes, quem apresenta este problema tem dificuldades na respiração, entretanto, nem todas as pessoas que têm desvio de septo apresentam dificuldades respiratórias. As duas cirurgias, quando bem indicadas, podem ser realizadas ao mesmo tempo ou em tempos distintos. No caso da rinoplastia, o cirurgião plástico é indicado para o tratamento; e do desvio de septo, o otorrino. Mas há cirurgiões plásticos capacitados para corrigir tanto o aspecto estético como o funcional. Porém, em boa parte dos casos, os cirurgiões plásticos trabalham em conjunto com os otorrinolaringologistas.

Fonte: Vitória News

beijos, Fran
03/12 2016
FOTOS ANTES E DEPOIS
1 Comentário

Rinoseptoplastia

Fiz a cirurgia em 18/09/2015 no Hospital Paulista – SP. Foi feita retirada de amigdalas e correção de desvio de septo, cobertas pelo plano de saúde com outro doutor e a rinoplastia foi feita pelo Doutor José Eduardo Lutaif Dolci. Foi técnica fechada com quebra e raspagem do dorso e retirada de cartilagens nas laterais, para dar uma leve afinada no nariz. Essa cirurgia estética custou R$ 10.000,00 + R$ 900,00 do anestesista e R$ 700,00 do hospital (honorários da cirurgia estética). Recuperação do nariz foi rápida e indolor, apesar dos roxos, só a das amigdalas que foi a parte mais difícil. Em abril deste ano fiz uma nova cirurgia de desvio de septo (com outro médico) que estava impedindo a respiração por uma das narinas (eles falam que é muito comum desviar mais de uma vez). Mas a parte estética não mexeu em nada. As duas cirurgias com anestesia geral. Tenho 25 anos.

 

ANTES2

 

DEPOIS3

 

antesedepois

 

antesedepois1

beijos, Fran
03/06 2016
Topo