Mamoplastia
0 Comentários

Cirurgia de prótese de silicone: por cima ou por baixo?

 

Nesse tipo de cirurgia plástica, a prótese é colocada em uma bolsa formada no tecido mamário. Mas há diferentes técnicas de implantação, são elas:

 

  • Submuscular: a prótese é colocada entre os músculos mamários e contra a parede do tórax, concedendo uma aparência mais discreta aos seios.

 

  • Subglandular: a prótese é colocada abaixo das glândulas mamárias e por cima do músculo, deixando o colo bem marcado, o famoso “peito bolota”.

 

  • Subfascial: a prótese é posicionada em cima dos músculos mamários, mas sob a camada fascial e as glândulas, ou seja, combina as duas técnicas anteriores.

 

O cirurgião plástico especializado irá ajudá-la a tomar esta decisão. Porque depende de como você espera o resultado final, do seu tipo de pele que, por exemplo, se for muito fina não pode ser subglandular, pois pode causar o rippling, que é o enrugamento da pele das mamas.

Ao optar pela cirurgia de prótese de silicone, saber qual marca você irá colocar também é uma parte importante do processo. Mesmo porque, este é um produto que ficará dentro do seu corpo por muito tempo.

Hoje em dia algumas marcas oferecem garantia vitalícia das suas próteses. Independente disso, é fundamental que a escolhida tenha registro na Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

A Dream Plastic leva isso tão a sério, que os médicos diretores da clínica visitavam as fábricas de próteses para atestar a qualidade.

E, graças a este padrão rigoroso de qualidade, a clínica baniu as marcas Rofil e a PIP muito antes delas serem suspensas pela Anvisa.

Fonte: Dream Plastic

beijos, Fran
13/05 2017
Escreva seu comentário
* Preenchimento obrigatório. Seu email não será divulgado.
Quer que sua foto apareça nos comentários? Clique aqui!

Topo