Mamoplastia
0 Comentários

Qual tipo de prótese devo colocar?

A escolha da prótese de silicone é feita de acordo com a preferência da paciente, do formato das mamas desejado e da recomendação do cirurgião feita durante a avaliação corporal.

“Escolhemos por meio do gosto e anseios da paciente em relação ao resultado. Também é analisado o biótipo e tamanho do tórax. Além da quantidade de glândula e gordura nas mamas e da posição das aréolas, que podem fazer diferença”, aponta o especialista.

Quais os modelos de prótese que existem?

 

  • Prótese redonda: a redonda é a prótese usada na maioria dos casos, quando a paciente deseja um bom preenchimento do colo mamário. E existem alguns perfis que podem ser seguidos a fim de projetar o parte superior da mama, a parte do meio ou ainda deixar com menos volume;
  • Anatômica (ou em gota): a anatômica é bastante indicada para pacientes que não desejam preenchimento do colo mamário, dando um volume alto, mas com um resultado super natural, que não dá aparência de estar apertando as mamas quando se usa um decote;
  • Cônica: costuma-se indicar o tipo cônico para pacientes que tem o tórax bem estreito, e que desejam uma mama super projetada.

 

Fonte: Ativo Saúde

beijos, Fran
08/10 2018
Mamoplastia
0 Comentários

Do que são feitas e por onde são colocadas as próteses de silicone

“As próteses de silicone são estruturas compostas por silicone de grau médico e sem toxicidade alguma para o organismo”, explica Ronaldo Soares, cirurgião plástico, membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica.

Elas são utilizadas para moldar e preencher espaços de determinadas regiões, como as mamas, glúteos ou panturrilhas, por exemplo. Proporcionam melhor contorno, firmeza e simetria.

1. Do que são feitas as próteses de silicone?

São compostas por uma cápsula externa e por gel interno de silicone altamente coesivo (com alto grau de aderência).

2. Por onde as próteses de silicone nos seios são colocadas?

Elas podem ser colocadas por meio de uma incisão nos sulcos (partes mais fundas – inframamário) das mamas, pelas aréolas (periareolar) ou ainda pelas axilas (axilar).

Fonte: Ativo Saúde

LEIA MAIS
beijos, Fran
06/10 2018
Mamoplastia
0 Comentários

O que é contratura capsular no implante de silicone?

A contratura capsular no silicone acontece justamente porque o organismo cria uma película em torno do implante a fim de isolá-lo do restante do corpo, já que não há como expelir a prótese.

Contudo, essa película tem uma função importante que poucas pacientes conhecem. Ela é responsável por fixar a prótese na mama e deixar o resultado mais consistente.

Uma ação comum de defesa do sistema imunológico, que vai acontecer em qualquer mulher que colocar silicone nos seios. Em geral, após ter passado 1 mês da cirurgia.

Porém, quando o organismo exagera nessa proteção, a mama fica dolorida, rígida e até perde o seu formato inicial. E assim ocorre a contratura capsular na prótese de silicone, também chamada de encapsulamento ou rejeição.

A cápsula, ou película, é geralmente formada por um tecido fibroso, que pode se tornar mais rígido com o passar do tempo.

Atualmente, para as marcas mais avançadas que utilizam a tecnologia de micro texturização, é registrado um índice de apenas 0.5% de rejeição.

Muito diferente dos 50% alcançados pelas próteses de textura lisa. Por isso que é tão importante escolher bem uma marca de silicone, avaliando sempre a sua tecnologia.

Também é preciso ter em mente que não há um prazo específico para ocorrer a contratura capsular na mama. Já que é uma reação do organismo e dependerá de pessoa para pessoa.

Ela pode ocorrer durante o período de pós-operatório, após meses, anos ou simplesmente nunca ocorrer.

Sintomas

De modo geral, quando a contratura capsular na mama acontece, os sintomas são leves e quase não são percebidos. Começam a ser reparados com pequenos incômodos nos seios.

Quando o grau começar a se elevar, então os sintomas de contratura capsular são:

  • Endurecimento da mama
  • Assimetria, ou seja, tamanho diferente entre os seios
  • Ondulamentos pequenos e visíveis na superfície da prótese
  • Dor na região

Se a contratura capsular estiver muito elevada pode até gerar o rompimento do implante e o vazamento de silicone.

Lembrando que os sintomas de contratura capsular de prótese silicone quase sempre se manifestam apenas em uma mama.

Tratamento:

O médico vai avaliar se há um grande grau de contratura na prótese da paciente. Se for necessário, ele indicará a retirada do implante, juntamente com a película contraída.

Em seguida, uma nova prótese será implantada no lugar. Entretanto, em algumas pacientes, essa recolocação do implante de silicone não será feita de imediato.

Mas isso só acontece quando a mama está inflamada, saindo secreção. Nesse caso, o médico vai recomendar que a paciente aguarde de três a seis meses para realizar um novo procedimento de colocação do silicone.

Algumas marcas de prótese de silicone oferecem garantias caso aconteça rejeição do implante pelo organismo. Por isso, escolha somente uma marca que te dê assistência necessária, assim você não terá uma despesa extra com um novo implante.

Os casos mais leves de contratura podem ser tratados com uma medicação, que vai ajudar a reverter esse processo.

Fonte: Dream Plastic

beijos, Fran
10/09 2018
Topo