Plásticas
0 Comentários

Lipoaspiração masculina

A lipoaspiração masculina é uma cirurgia plástica indicada para remover o excesso de gordura subcutânea localizada, por meio de cânulas acopladas a um lipoaspirador.  O resultado da lipo para homens é uma barriga definida, reta e sequinha. O procedimento também pode ser realizado em outras áreas, como flancos e costas.

Diferenças entre a lipoaspiração masculina e feminina

A lipo para homens é idêntica a lipo feminina. As duas são feitas da mesma forma e têm o mesmo objetivo. A diferença está na estética do antes e depois da lipoaspiração masculina e no preço.

Na cirurgia feminina o médico cava a lateral do abdômen para modelar o corpo da paciente e deixá-lo no estilo violão. Cheio de curvas.

Enquanto no homem, o objetivo é remover o excesso de gordura e deixar o abdômen definido, reto e atlético.

Outra diferença da cirurgia de lipoaspiração abdominal masculina está no valor. Isso porque a gordura do homem tem a consistência mais firme, então a dificuldade do cirurgião aspirar a gordura é maior.

Portanto, o tempo da cirurgia é mais longo, e isso reflete nos custos dos medicamentos e da sala cirúrgica.

O que é lipoescultura masculina?

A lipoescultura masculina é muito parecida com a lipoaspiração. Ela também é uma cirurgia plástica indicada para remover a gordura localizada do corpo. Porém, nesta, a gordura removida é tratada e enxertada em outra região, principalmente os glúteos. Com o objetivo de aumentá-la.

Qual o benefício que a lipo masculina traz?

A lipoaspiração masculina oferece o benefício de definir melhor a região abdominal. Pois, à medida que o homem envelhece, as áreas de gordura tendem a se acumular. Vemos isso, principalmente, na região do abdômen, na área do peito e também no pescoço.

Na maioria das vezes essa gordura não pode ser eliminada apenas com a prática de atividades físicas e uma dieta saudável.

E aqui entra a lipo masculina.

Para alcançar os melhores resultados, o cirurgião plástico aplica a técnica focada no biotipo do paciente.

Dessa forma, as características do corpo masculino são preservadas, evitando curvas femininas.

Homens têm predisposição genética acumular gordura na região abdominal e nos flancos.

Os flancos são as laterais da barriga, os famosos “pneuzinhos”.

A lipoaspiração tradicional trata 3 regiões do corpoabdômencostas e flancos. Mas, claro, se o seu problema é especificamente as laterais da barriga, pode optar apenas pela lipo de flancos masculina.

As laterais do seu abdômen ficarão retas e definidas, perfeitas para curtir um dia na praia sem preocupações.

Ah, além da barriga, costas e flancos, a lipoaspiração masculina pode ser feita:

  • Braços
  • Papada
  • Púbis
  • Coxas
  • Joelho

Cirurgia Plástica Masculina e os tipos de gordura

Gordura visceral x Gordura subcutânea

Nem toda gordura pode ser aspirada durante uma lipo.

Quando a gordura da barriga é subcutânea, por exemplo, ela não representa perigo para a saúde e pode ser facilmente retirada durante a cirurgia plástica.

O problema é que, na maioria dos casos, a gordura predominante é a visceral.

Você sabe qual é a diferença entre as duas?

  • Gordura Subcutânea: ela é a responsável por esconder os músculos abdominais, e fica localizada logo abaixo da camada da pele. Por esse motivo, a gordura subcutânea pode ser pega com os dedos ao beliscar a região da barriga.
  • Gordura Visceral: em contrapartida, a visceral não pode ser agarrada com os dedos, pois fica entre os órgãos do corpo. Mas quando há grande quantidade no abdômen o estômago fica alto, mais duro, conhecido como barriga de chope.

Há evidências de que os homens tendem a ter mais gordura visceral do que as mulheres. O que afeta negativamente a saúde, aumentando a inflamação nos órgãos e até gera outros problemas.

Além disso, a gordura visceral não pode ser removida por meio da lipoaspiração masculina. Sendo assim, antes de pensar no procedimento cirúrgico você deve ser avaliado por um cirurgião plástico especialista.

Assim, ele pode verificar a presença desse tipo de gordura.

Exames pré-operatórios lipoescultura masculina

Entre os exames pré-operatórios da lipoescultura masculina, estão:

  • Hemograma completo
  • Eletrocardiograma
  • Coagulograma completo
  • Ultrassom de parede abdominal

E, em alguns casos, os médicos também podem pedir:

  • Doppler das pernas
  • Radiografia de tórax
  • Urina de rotina e urocultura.

Como é feita a lipoaspiração masculina?

A lipoaspiração para homens segue a mesma técnica utilizada para as mulheres. São feitas pequenas incisões na região que será operada e a gordura é aspirada por cânulas finas conectadas a um aparelho. No final, o paciente veste uma cinta pós-cirúrgica para comprimir a região.

A anestesia aplicada na lipo é a peridural com sedação. Então, o paciente permanece dormindo durante o procedimento e não sente nenhuma dor.

A cirurgia dura de 2 a 3 horas, aproximadamente, e o período de internação é de 12 a 24 horas.

Fonte: Dream Plastic

beijos, Fran
25/07 2022
Plásticas
0 Comentários

Tudo sobre lipo light

Lipo light é uma cirurgia plástica indicada para remover pequenas porções de gordura de diversas regiões do corpo. Promete ser um procedimento “menos invasivo” e “pouco doloroso”, realizado em sessões. A técnica utilizada é a mesma da lipoaspiração tradicional, com 2 únicas diferenças.

A lipolight pode ser realizada em regiões do corpo com acúmulo de gordura localizada. Geralmente é feita na barriga, por mulheres que desejam um abdômen lisinho e um melhor contorno corporal, mas também pode ser realizada nos:

  • Flancos
  • Culotes
  • Pernas
  • Coxas
  • Costas
  • Braços
  • Papada
  • Monte de Vênus

Como funciona a lipo light?

A Lipo Light é conhecida como um procedimento ideal para remover gordura localizada. No geral, ela utiliza a mesma técnica da lipoaspiração tradicional. Ou seja, são feitos pequenos cortes para que algumas cânulas possam aspirar a gordura da região. Mas antes disso o médico injeta uma mistura de soro fisiológico e adrenalina para facilitar o trabalho.

Lipolight X Lipoaspiração

Até aqui não há diferença nenhuma entre os procedimentos.

Então no que elas se diferem?

Primeiramente, o anestésico aplicado na lipo light é a anestesia local sem sedação. Isso significa que a paciente permanece consciente enquanto o procedimento é realizado. E ela acaba sentindo muita dor e desconforto.

Enquanto na lipo tradicional a anestesia é a peridural com sedação. A paciente não sente dor e acorda com a cirurgia pronta.

Outra diferença é que o procedimento é realizado em várias sessões, com algumas semanas de intervalo, enquanto a lipo tradicional é realizada em um único dia.

Ah, além disso, essa cirurgia é feita em condições de risco. Mas isso é história para outro tópico.

Na lipo light o médico não consegue retirar grandes quantidades de gordura. Por isso o resultado , com certeza, fica muito inferior ao Antes e Depois da Lipoaspiração tradicional.

Outro ponto que poucas mulheres sabem é que não é possível retirar gordura de várias regiões em um único dia.

E, geralmente, para ter um antes e depois mais perceptível, são necessárias cerca de 10 a 15 sessões. E, por isso, é comum se ouvir por aí que o resultado da lipo light é “parcelado”.

Isso significa pagar mais caro, já que o preço é cobrado por sessão, e passar pelo desconforto do procedimento feito com anestesia local, e a dor do pós-operatório, mais de 10 vezes.

As mulheres que buscam essa lipo acreditam que, por ser feita aos poucos, por sessão, é um procedimento mais barato.

E na teoria isso é verdade, mas na prática não! Calma, vamos explicar melhor. O preço “baixo” da lipo light, que se for parar pra pensar não é tão baixo assim, acontece porque:

  • O procedimento é feito dentro da própria clínica do médico
  • A quantidade de gordura retirada é MUITO menor
  • Não há a presença de um anestesista no momento da cirurgia

Esses são fatores que à primeira vista podem até parecer irrelevantes. Mas é aí que mora o perigo, não se iluda!

Esses itens são fundamentais para evitar riscos, oferecer segurança e garantir um resultado satisfatório.

Você já deve ter ouvido que o barato sai caro. Para esse caso o ditado se aplica perfeitamente.

Por isso não caia no erro de deixar se enganar pelo valor da lipo light. Além disso, o preço deve ser calculado multiplicando-o pelo número total de sessões. Ou seja, você precisará fazer no mínimo 10, e o preço não sairá tão econômico assim.

Operar dentro de clínicas e consultórios médicos

Um ambiente seguro deve conter equipamentos de primeira linha, além de oferecer uma estrutura completa para a paciente.

Portanto, é fundamental que o ambiente da cirurgia tenha fontes de oxigêniodesfibriladormateriais para reanimação, monitores e todos os outros recursos exigidos pela Anvisa.

Fatores que nenhuma clínica ou consultório tem!

Jamais aceite fazer uma cirurgia nessas condições. Pois, caso aconteça alguma complicaçãoo cirurgião plástico não terá equipe de outras especialidades médicas para te atender.

E o tempo de fazer a transferência para um hospital com UTI pode atrasar o atendimento. Lembre-se: cirurgia somente em hospital!

Além de tudo isso, consultórios médicos não possuem autorização para realizar cirurgias plásticas. Ou seja, é uma situação ilegal que demonstra, e muito, a falta de ética dos profissionais envolvidos.

Aqui na Dream Plastic nós realizamos cirurgias, das simples às mais complexas, em hospitais focados em procedimentos estéticos e reparadores.

Fazer lipo com anestesia local

O problema é que esse tipo de anestesia não pega muito bem em locais de gordura subcutânea. Isto acarreta muita dor para a paciente. Aliás, é por isso que a cirurgia é feita em sessões, pois você não aguentaria a dor de fazer tudo em um dia.

Então, consequentemente, o médico não consegue remover muita gordura. Para você ter uma ideia, ao utilizar a anestesia local na lipo light, o cirurgião plástico consegue retirar, em média, 300 ml de gordura. Já na lipo tradicional pode-se remover até 13 vezes mais.

Além disso, nessa cirurgia o anestesista quase nunca está presente. Porque ele não se sujeita a anestesiar nessas condições, colocando a paciente em risco.

Ou seja, a anestesia é aplicada pelo próprio cirurgião plástico, que não tem a formação de um anestesiologista.

Consequentemente, além de realizar o procedimento, precisa monitorar sua frequência cardíacapressão arterial, respiração e outros fatores responsáveis pela sua segurança.

Lipo light não é recomendada pela SBCP

A lipo light não é recomendada pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica. Portanto, este tipo de procedimento é praticado, basicamente, por médicos que não são cirurgiões plásticos.

E, ao fazer o procedimento cirúrgico com um profissional que não é habilitado, você terá sérias dores de cabeça.

Afinal, um cirurgião plástico especialista tem, no mínimo, 11 anos de estudos, os quais fariam toda a diferença no antes e depois da lipo light.

Isto porque, segundo o Conselho Regional de Medicina, cerca de 97% dos erros médicos são cometidos por NÃO especialistas em cirurgia plástica.

Mini lipo ou lipo light?

Essa é uma dúvida comum, mas como comentamos no começo do textomini lipo e lipo light são as mesmas cirurgias. Feitas com soro fisiológico para diluir a gordura e cânulas para aspirá-las. Trata-se apenas de um nome comercial, uma jogada de marketing para vender uma cirurgia que já existe, feita em condições de risco.

Fonte: Dream Plastic

beijos, Fran
18/07 2022
Plásticas
0 Comentários

Você já ouviu falar da Lipo nas Pernas?

Essa cirurgia plástica promete eliminar de vez aquela gordura localizada na perna! Isso mesmo, aquela que nos Impede de colocar as roupas que gostamos, que incomoda ao andar e, às vezes, causa até irritação. 

Mas será mesmo que a lipoaspiração nas pernas funciona? Será que ela elimina TODAS essas gorduras?

A lipo nas pernas é uma cirurgia plástica que retira a gordura subcutânea de algumas áreas específicas das pernas por meio da técnica clássica de lipoaspiração, algo que não seria possível com dietas e exercícios físicos. O objetivo dessa lipo é deixar a região mais torneada e harmônica com o resto do corpo. 

lipo nas pernas é ideal para você que:

  • Não está feliz ao se olhar no espelho
  • Sente que a parte superior da sua perna é muito grande ou avantajada demais
  • Sofre com assaduras e irritação por causa do atrito entre as pernas grandes

Às vezes você nem mesmo está acima do peso, porém as pernas são largas e grandes.

E além de afetar a estética do corpo, isso traz outros problemas, como:

  • Dificuldades para encontrar roupas que sirvam e tenham bom caimento no corpo (como shorts e calça jeans)
  • Tristeza para se olhar no espelho – sente que o corpo não está harmônico
  • Baixa autoestima
  • Irritação nas pernas
  • Desconforto ao andar
  • Excesso de suor na parte interna das pernas (por estarem muito juntas)
  • Assadura

Muitas mulheres, na tentativa de dar um fim a esses focos de gordura e deixar o corpo proporcional, começam a investir em dietas e exercícios, pois veem essas opções como soluções rápidas e econômicas. 

É fato, manter uma rotina de exercícios e alimentação balanceada é essencial, independentemente de mudar o corpo ou não. Pois ambos trazem diversos benefícios para a saúde, como disposição, energia, previnem doenças como o câncer, melhoram a qualidade de vida e muito mais. 

Porém, para eliminar gordura localizada, principalmente na área das pernas, dietas e exercícios não são tão eficazes

As gorduras dessas áreas são mais resistentes à perda de peso. Desse modo, para conseguir eliminar você terá que abusar de exercícios e dietas. 

Portanto, por mais que você insista nesse método e consiga perder um pouco dessa gordura, ainda há outro fator negativo: você vai perder gordura no corpo todo, principalmente onde você tem mais tendência a perder gordura, como nos glúteos.

Desse modo, continuará com a aparência desproporcional. Afinal, alguns lugares vão ficar bem menores, quando comparados com outros.

Já a lipoaspiração, ou lipoplastia nas pernas, como também é conhecida, é própria para eliminar a gordura localizada. A cirurgia reduz exatamente aqueles pontos que você deseja, sem mexer nos demais, deixando o seu corpo proporcional, harmonizado e com contornos definidos. 

Como é feita a lipoaspiração nas pernas?

A lipoaspiração nas pernas é feita por meio da cânula acoplada a um aparelho que suga a gordura. Inicialmente o cirurgião aplica uma mistura com soro na região da gordura, para deixá-la mais líquida e facilitar sua retirada. Em seguida, são feitas incisões por onde o cirurgião insere a cânula e passa a remover a gordura.

A lipo na perna é feita em duas regiões.

A técnica cirúrgica usada na cirurgia é a mesma da lipoaspiração tradicional, que você confere aqui.

A diferença fica por conta do tempo. Como a lipo nas pernas é feita em poucas regiões, é mais rápida, levando em torno de 40 minutos a 1 hora para ser finalizada. 

Na lipoplastia das pernas as anestesias mais indicadas são a raqui ou peridural com sedação. O ideal é evitar a anestesia geral, pois ela é mais invasiva e deixa o pós-operatório dolorido.

Quando for escolher um local para fazer a sua cirurgia considere a anestesia que será aplicada, quanto menos invasiva for, melhor!

Como é o pós-operatório de Lipo na perna?

O pós-operatório da lipo nas pernas é bem tranquilo. Podem surgir hematomas, mas eles desaparecem em até duas semanas. Já o inchaço nas pernas prevalece por 1 mês. É necessário usar cinta compressiva e fazer pequenas caminhadas durante o dia para evitar riscos de trombose venosa profunda. 

Fonte: Dream Plastic

beijos, Fran
04/07 2022
Topo