Plásticas
1 Comentário

Lipoescultura: dicas

Após a lipo, o corpo fica inchado. E é preciso esperar desinchá-lo para observar o resultado. No final desse período, a região operada fica sequinha e sem excesso de gordura. O corpo ganha curvas e o enxerto nos glúteos deixa o bumbum lá em cima.

O resultado da lipoescultura não é imediato, mas, com certeza, vale a pena esperar!

Mas para um resultado de cair o queixo na lipoescultura, com enxerto nos glúteos ou não, existem alguns fatores essenciais para seguir.

São itens que aumentam, e muito, as chances de:

  • Um resultado bonito
  • Uma cirurgia segura
  • Um pós-operatório tranquilo
  • Uma autoestima elevada
  • Um corpo no melhor estilo violão
  • Várias fotos renovadas com sucesso

Conheça cada item!

Use a cinta modeladora

A cinta modeladora desempenha um papel essencial no antes e depois da lipoenxertia. Uma vez que:

  • Evita a flacidez
  • Modela a silhueta
  • Melhora a postura
  • Previne o deslocamento da pele
  • Ajuda na cicatrização
  • Oferece sustentação ao abdômen

Deve ser usada por, pelo menos, 2 meses. (Mas esta decisão fica a critério de cada cirurgião plástico)

E só deve ser retirada para tomar banho.

Faça sessões de drenagem linfática

A Drenagem Linfática deve ser realizada a partir do primeiro retorno de pós-operatório.

Para um resultado de lipoescultura bonito, são necessárias no mínimo 10 sessões. Dependendo do porte da cirurgia e da região operada.

Porque…

  • Previne dores
  • Acelera o resultado
  • Melhora a circulação sanguínea
  • Diminui a retenção de líquido e, consequentemente, o inchaço do corpo

A Drenagem Linfática na cirurgia plástica deve ser feita com uma fisioterapeuta. Porque se trata de uma drenagem com função de recuperação cirúrgica e não estética.

Opere com um cirurgião plástico especialista

O grande diferencial de fazer a sua lipoenxertia com um cirurgião plástico especialista é a experiência desse médico.

A qual deve ser traduzida na quantidade de cirurgias realizadas.

Quanto mais cirurgias, mais experiência e maiores as chances de ter um antes e depois na lipoenxertia glútea, incrível!

Além disso, e não menos importante, um médico especialista é o único que tem aprovação da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica para operar.

Isso demonstra que é um profissional qualificadoexperiente e confiável.

Siga o passo a passo abaixo e descubra se o seu cirurgião é um especialista:

  1. Entre no site da SBCP
  2. Clique em “Encontre um cirurgião”.
  3. Depois, clique em “Buscar”.
  4. Preencha as informações do campo de busca, digitando o nome completo ou parcial sem acento.
  5. Selecione a categoria especialista.
  6. Selecione o estado no qual o cirurgião plástico trabalha
  7. Clique em “Buscar”

Crie expectativas realistas

Autoconhecimentoaceitação e clareza são as palavras-chaves para você não se iludir criando falsas expectativas quanto às suas fotos de lipoescultura antes e depois do resultado.

Isso porque a sua lipo depende de 2 elementos:

  1. Estrutura física do corpo
  2. Quantidade de gordura a ser aspirada

Por exemplo, quando uma paciente de quadril largo quer afinar a cintura…

Seu quadril ficará mais fino? Sim! Mas não como o de mulheres com a silhueta mais estreita.

Ou seja: o médico consegue modelar bem o corpo, mas não consegue mudar sua estrutura óssea.

Portanto, conheça o seu corpo e tenha uma conversa franca com o médico sobre quais resultados você pode alcançar.

Também peça para toda evolução da sua lipoenxertia ser registrada com fotos.

Não faça lipoescultura se tiver pele flácida

Essa questão também é influenciada pela experiência do cirurgião plástico(Comentamos o assunto mais acima)

A lipoenxertia não é indicada para pacientes com sobra de pele na região porque, ao remover a gordura, a flacidez ficará em evidência.

Afinal, a gordura que dava sustentação não está mais no local e a pele ficará mole e caída.

Neste caso, o resultado da lipoescultura fica esteticamente desagradável.

Com uma avaliação pré-operatória eficiente, o cirurgião consegue avaliar se além de gordura há excesso de pele.

Por isso a importância de um médico especialista.

Ele evitará esse tipo de problema.

Mas se esse for o seu caso, você tem duas soluções:

  • Fazer a abdominoplastia para remover a pele flácida antes da lipoenxertia glútea. (Jamais depois)
  • Realizar as duas cirurgias em um único dia

Não realize a cirurgia acima do peso

lipoescultura emagrecimento
Realizar a cirurgia em um bom estado clínico, é essencial para o sucesso da sua cirurgia!

Há um limite de gordura que pode ser removida na cirurgia.

A quantidade está entre 5% e 7%.

Esse cálculo é feito a partir do IMC do peso ideal da paciente.

Não do atual!

Para pacientes obesas ou muito acima do peso, a quantidade de gordura a ser retirada não é satisfatória.

E o resultado final da lipoescultura ficará com sobra de gordura. Portanto, o indicado é perder peso antes da cirurgia.

Isso acontece porque remover mais gordura do que o permitido pode colocar a paciente em risco.

Aumentando as chances de:

  • Hemorragia
  • Desidratação

Faça o cálculo do seu IMC!

Fonte: Dream Plastic

beijos, Fran
25/10 2021
Plásticas
0 Comentários

Lipoaspiração pubiana

O que é lipoaspiração pubiana?

A lipo no monte pubiano feminino é uma cirurgia plástica para eliminar o excesso de gordura subcutânea da vagina. Nela, a gordura é removida e a vulva fica com menos volume, sem causar incômodo ao usar certos tipos de roupa.

A lipo pubiana é o único método efetivo para remover a gordura da região íntima.

Para quem é indicada a lipo na vagina?

A lipo vaginal é indicada para mulheres acima de 18 anos de idade que se incomodam com a gordura subcutânea na região íntima.

A cirurgia pode ser feita por pacientes magras ou acima do peso. Mas é necessário passar em consulta para o cirurgião avaliar o estado de saúde.

Geralmente, as pacientes de lipo no monte de vênus são mulheres que até estão satisfeitas com seus corpos.

O que realmente incomoda

é o volume de gordura na vagina.

As motivações para realizar a cirurgia podem ser diferentes, mas MUITAS situações são comuns entre as pacientes de lipoaspiração pubiana.

Responda com “Sim” ou “Não” e veja se você se identifica:

  • Evita biquínis, jeans skinny e leggings
  • Se sente inferior nas relações íntimas
  • Usa blusas compridas para cobrir a região
  • Está com a autoestima baixa e se sente insegura
  • Já ouviu coisas como “capô de fusca” e “bola de tênis”
  • Não consegue se concentrar na hora H, preocupada com a opinião do seu companheiro

Você respondeu “Sim” para a maioria das perguntas?

Essa é uma excelente indicação de que a cirurgia para reduzir o volume do monte pubiano é a solução que você precisa! Isso para voltar a viver de bem com a vida e dar adeus a cada uma dessas situações.

Como é feita a lipo no monte de vênus?

Na lipoaspiração pubiana, são feitas marcações na região do monte de vênus e a aplicação da anestesia. Em seguida, o soro é inserido por meio de uma cânula para amolecer a gordura. Depois, outras cânulas são postas para aspirar a saliência da vagina.

O passo a passo da cirurgia de lipo pubiana!

É uma cirurgia simples e pouco invasiva, com cerca de 40 minutos de duração. A alta costuma acontecer no mesmo dia, mas a cirurgia só deve ser realizada em ambiente hospitalar.

anestesia utilizada por cirurgiões experientes em cirurgia plástica é a peridural com sedação ou raquidiana.

É totalmente desnecessário utilizar a anestesia geral, até porque ela aumenta os riscos de trombose.

Cicatriz da lipoaspiração da região pubiana

A cicatriz da lipo do monte de vênus é bem discreta e facilmente escondida sob calcinhas e biquínis. Com menos de 1cm de comprimento.

Lipo vaginal e o pós-operatório

A recuperação da lipo no monte pubiano é extremamente tranquila quando comparada com o pós-operatório da lipoaspiração tradicional.

Após a cirurgia, podem surgir manchas roxas e inchaço na região. Que costumam desaparecer nas primeiras 2 semanas.

sensibilidade pode ser afetada, mas também é algo passageiro.

Se o seu trabalho não exigir esforço físico, você poderá retornar no dia seguinte.

O ponto principal no pós de lipoaspiração vaginal são as relações sexuais.

As quais devem ser evitadas até a vulva desinchar completamente e a cicatrização finalizar. Isso leva cerca de 3 semanas.

Em relação às atividades físicas, você poderá retornar após mais ou menos 3 semanas também.

Esse tempo é apenas uma referência, cada caso deve ser analisado com o cirurgião.

Com a recuperação terminada, você estará pronta para curtir uma vida sem constrangimentos e muito mais feliz.

Fonte: Dream Plastic

beijos, Fran
18/10 2021
Plásticas
0 Comentários

Gravidez após Abdominoplastia

Quem faz abdominoplastia pode engravidar?

De forma geral, quem faz abdominoplastia pode engravidar, sim! Isso porque os músculos retos abdominais, que foram “amarrados”, tendem a ceder conforme o útero aumenta. Porém, é bem possível que o resultado da cirurgia plástica seja perdido. Além disso, alguns casos de gravidez após abdominoplastia podem oferecer riscos à mãe e ao bebê. Conforme iremos explicar melhor.

Na maioria dos casos não há problema nenhum em engravidar depois da Abdominoplastia.

Quem fez abdominoplastia pode engravidar, isso é um fato! Porém, o ideal é fazer a abdominoplastia após o parto. Principalmente, se você pretende engravidar num curto espaço de tempo, por exemplo, até o próximo ano.

O problema mais comum de ficar grávida com abdominoplastia é que o resultado conquistado pode ser todo perdido. Pois há grandes chances de a mulher voltar a ter flacidez de pele e até diástase, ou seja, a separação do músculo reto abdominal.

Riscos da Gravidez após Abdominoplastia

Normalmente, não há riscos na gravidez após Abdominoplastia, a não ser a de perder o resultado. Porém, há uma combinação de situações que pode oferecer risco à gestação. Essa exceção se dá quando a plicatura abdominal é feita de forma muito intensa e o bebê tem um crescimento acentuado.

abdominoplastia gravidez
Na Abdominoplastia esse músculo abdominal é amarrado e tende a romper conforme o bebê cresce dentro do útero.

Gestações com bebês grandes, geralmente, estão relacionadas às mulheres que têm ou desenvolvem diabete gestacional.  Nesses casos, o bebê pode pesar até 5 kg.

Logo, esse tamanho exagerado exige uma expansão maior do útero e, consequentemente, da barriga, fazendo com que a plicatura abdominal rompa.

Porém, quando a amarração desses músculos está muito forte, ao invés de romper, ela causa uma compressão no abdômen e no útero, gerando consequências ruins.

Possíveis consequências da gravidez após Abdominoplastia

  • Dificuldade respiratória para a mulher, já que a barriga não tem como crescer e o útero começa a pressionar o diafragma. Com isso há a limitação do volume torácico, ou seja, da possibilidade da respiração.
  • Desenvolvimento do bebê: apesar de raro, pode acontecer de o feto não ter espaço para crescer devido à pressão da plicatura abdominal, que não deixa o útero expandir.

No caso da gravidez depois da abdominoplastia, o seu ginecologista obstetra deve estar ciente para fazer o devido acompanhamento.

consulta gravida abdominoplastia
Se você engravidou depois da Abdominoplastia, é importante avisar o seu obstetra.

Se necessário, ele propõe alguma medida com o objetivo de corrigir o problema. Por exemplo, uma intervenção para soltar essa musculatura.

Ou seja, depois que faz abdominoplastia pode engravidar, mas é preciso ter essa atenção especial com desenvolvimento do bebê e os sintomas da mãe, considerando a intervenção cirúrgica que foi feita no passado.

Tem como fazer Abdominoplastia no parto?

Não tem como fazer Abdominoplastia no parto, pois o corpo ainda está muito inchado devido ao processo gestacional. É uma fase em que os tecidos estão inflamados e o resultado da cirurgia plástica seria ruim, com possíveis assimetrias e até problemas na cicatrização. Além do resultado, por uma questão de segurança não pode fazer Abdominoplastia na cesárea.

Não é possível fazer uma Abdominoplastia no parto, por questões de segurança e o resultado seria ruim.

Para você ter uma ideia, a cesárea envolve bem mais riscos que a Abdominoplastia. Nela estão envolvidas áreas nobres, como órgãos e vasos sanguíneos. Ou seja, o melhor e mais seguro é esperar para chapar a barriga depois. Afinal, é um procedimento estético e a gente sonha com um antes e depois maravilhoso!

Outro ponto importante é sobre a fase de puerpério, que no geral envolve muitos cuidados e um grande desgaste físico e emocional. Passar por esse momento em pleno pós-operatório da Abdominoplastia seria totalmente inviável. E, com certeza afetaria a recuperação e o resultado da cirurgia.

Grávida com abdominoplastia e agora? 

Fica calma, pois quem fez abdominoplastia pode engravidar! Porém, a grávida com abdominoplastia enfrenta a desvantagem de poder perder o resultado da cirurgia plástica. Mas isso é uma possibilidade, pois há casos em que a mulher ganha pouco peso e consegue manter a barriga lisa, mesmo depois do parto.

Fonte: Dream Plastic

beijos, Fran
11/10 2021
Topo