Mamoplastia
0 Comentários

Silicone de 400ml: Considerações na hora da escolha

Não se preocupe, receio em relação ao tamanho da prótese de silicone é algo extremamente comum. Algumas mulheres têm medo de ficar pequeno e sem evidência. Já outras de ficarem com o colo grande demais.

Na verdade, o resultado de quem coloca 400ml de silicone nos seios pode variar, pois depende de uma série de fatores e não apenas da quantidade em mililitros do implante.

A decisão do tamanho ideal é algo que você faz junto com o seu médico, por isso a importância de escolher um cirurgião plástico especializado e com bastante experiência, assim:

  • Você não tem seu resultado prejudicado por alguém que não sabe aplicar a melhor técnica.
  • Você não fica a mercê de alguém sem experiência para orientá-la do melhor procedimento e tamanho, respeitando o seu biotipo.
  • Você não corre riscos desnecessários porque o cirurgião desconhece ou não segue os protocolos de segurança exigidos para a cirurgia.

 

Ou seja, mais do que saber se você deseja 200, 300 ou 400 ml de silicone, o cirurgião plástico irá avaliar, além da sua expectativa de resultado, outras questões, como:

  • Tamanho do seu tórax (diâmetro)
  • Sua altura
  • A existência de algum grau de flacidez
  • Tamanho e formato da sua mama
  • Se você pratica atividades físicas

 

Com essas informações, o cirurgião plástico irá analisar ainda a melhor técnica usada para a colocação do implante, se será: submuscular, subglandular ou subfascial.

O tipo de perfil, pois tem gente que busca colocar silicone de 400ml perfil super alto ou perfil alto. Isso também é algo que pode fazer a diferença no resultado do seu implante de silicone, por isso você deve definir junto com o seu médico.

Como você pode ver, a prótese de silicone de 400ml pode até parecer grande, mas depende de vários fatores para o resultado ficar mais evidente, discreto, marcado… Ou seja, varia de pessoa para pessoa.

Fonte: Dream Plastic

beijos, Fran
12/07 2017
Plásticas
0 Comentários

Pós-operatório da abdominoplastia

Dormir 

Após uma cirurgia ao abdômen é fundamental dormir de barriga para cima, recostado e com as pernas dobradas, evitando dormir de lado ou de barriga para baixo, para não pressionar o abdômen nem machucar a cicatriz.

Caso se tenha em casa uma cama articulada deve-se elevar a parte do tronco e das pernas, porém, numa cama normal pode-se colocar almofadas semi-rijas nas costas, ajudando a elevar o tronco, e por baixo dos joelhos, para levantar as pernas. Deve-se manter esta posição pelo menos 15 dias dias ou até se deixar de sentir desconforto.

Andar

Ao andar, deve-se dobrar o tronco, curvando as costas e apoiando as mãos na barriga como se a estivesse segurando, já que esta posição dá maior conforto e alivia a dor, devendo ser mantida durante os primeiros 15 dias ou até se deixar de sentir dor.

Além disso, ao sentar, deve-se optar por uma cadeira, evitando os bancos, encostando-se totalmente e apoiando os pés no chão.

Banho

Depois da cirurgia plástica é colocada uma cinta modeladora que nunca deve ser tirada durante 8 dias, por isso, durante esse período não se pode tomar banho no chuveiro.

No entanto, para manter a higiene mínima, pode-se lavar o corpo parcialmente com uma esponja, pedindo a ajuda de um familiar para não se fazer esforço.

Cinta

A cinta não pode ser tirada durante cerca de 8 dias, nem mesmo para tomar banho ou dormir, pois é colocada para comprimir o abdômen, dar conforto, facilitar os movimentos, evitando complicações como o seroma, que é o acumulo de liquido junto à cicatriz.

Após uma semana, já se pode tirar a cinta para tomar banho ou fazer o tratamento da cicatriz, voltando a colocá-la e usando-a durante o dia, por pelo menos 45 dias após a abdominoplastia.

As meias de compressão só devem ser retiradas quando se volta a movimentar e caminhar normalmente, o que geralmente acontece quando se retoma às atividades do dia-a-dia.

Dor

Após a abdominoplastia é normal sentir dor na barriga devido à cirurgia e dor nas costas, pois passa-se alguns dias sempre deitado na mesma posição.

Para aliviar a dor do abdômen é fundamental tomar os remédios prescritos pelo médico, cumprindo as quantidades e horas indicadas. No momento de evacuar a dor pode aumentar e, por isso, para facilitar as idas ao banheiro, pode-se tomar suplementos à base de fibras.

Além disso, para tratar a dor no fundo das costas, pode-se pedir a um familiar para fazer uma massagem com um creme relaxante ou colocar panos de água quente para diminuir a tensão.

Curativo

O curativo deve ser trocado segundo indicação do médico, que normalmente é ao final de 4 dias, mas os pontos só são removidos depois de 8 dias pelo médico que fez a cirurgia.

No entanto, caso o curativo esteja manchado de sangue ou de liquido amarelo deve-se ir no médico antes do dia indicado.

Fonte: Tua Saúde

beijos, Fran
11/07 2017
Plásticas
0 Comentários

Principais dúvidas após a abdominoplastia

O pós-operatório da abdominoplastia requer muito repouso durante os primeiros 10 dias e a recuperação total demora cerca de 2 meses. No entanto, algumas pessoas fazem abdominoplastia e lipoaspiração do abdômen ou mamoplastia ao mesmo tempo, sendo a recuperação um pouco mais demorada e dolorosa.

Depois da cirurgia é normal ficar internado na clínica por cerca de 2 a 4 dias e, geralmente, após a cirurgia é preciso utilizar:

  • Dreno, que é um recipiente para fazer drenagem do sangue e líquidos acumulados no corpo, normalmente removido antes da alta. Porém, no caso de ter alta e levar o dreno para casa, veja como manipular o dreno.
  • Cinta modeladora, para proteger a barriga e evitar o acúmulo de liquido, que deve permanecer 1 semana sem tirar;
  • Meias de compressão, para evitar a formação de coágulos e que só deve ser tiradas para tomar banho.

Fonte: Tua Saúde

beijos, Fran
10/07 2017
12345
Topo